Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Guarnição da Polícia Militar realiza mais um parto em viatura

Na manhã da quinta-feira, 10, a guarnição da viatura 1019, composta pelos sargentos Sandro e Amaral e pelo soldado Anderson Xavier, quando em ronda pela área do conjunto Eduardo Angelim foi acionada para atender uma ocorrência inusitada; uma mulher grávida prestes a dar à luz. De imediato os policiais conduziram a parturiente para a unidade de Pronto Atendimento de Icoaraci; todavia, não houve tempo para chegar ao local; a criança nasceu ali mesmo, no interior da viatura policial com o parto realizado pela guarnição. 

Após o nascimento e o atendimento emergencial a criança foi entregue aos servidores da UPA que assumiram o restante do procedimento, onde os primeiros momentos foram cruciais para a vida do bebê que foi salvo pelas mãos dos policiais militares. Para o tenente coronel Renato Dumont, comandante do 10º Batalhão PM, que elogiou a atitude corajosa dos policiais, o que ficou desta importante e fundamental ação da guarnição PM, foram as palavras de gratidão da mãe do bebê: "Vocês são anjos que Deus colocou em minha vida!"

QUARTO CASO DE 2015: Em 2015, este é o quarto caso de nascimento de bebês auxiliados por policiais militares; um destes foi também em Icoaraci, em setembro deste ano, quando o cabo Natalino e o então soldado Velasco, hoje cabo PM, ambos do 10º Batalhão realizaram todo o trabalho para que mais um bebê viesse ao mundo pelas mãos de policiais.

Nos outros dois casos de 2015, o personagem de ambos foi o capitão Almada, do 20º Batalhão PM, sediado no bairro do Guamá, em Belém. O Oficial participou das duas ações, sendo uma em abril quando ele e os soldados Marcelo Lopes e Diogo Amorim socorreram uma mulher grávida na avenida Independência, a bordo de um táxi e sentindo as contrações e logo depois o nascimento do bebê, que foi finalizado no Hospital Santa Clara e a outra em setembro, quando também na avenida Independência, um taxista e sua esposa precisavam chegar a tempo no hospital e os policiais agiram como batedores no trânsito garantindo a chegada da família no Hospital Maternidade Saúde da Criança, onde o menino nasceu com saúde e segurança.

Fonte: Ascom

0 comentários: