Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

MPE instaura Processo Investigatório Criminal contra policiais militares cedidos à Semutran

O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), por meio do promotor de Justiça Armando Brasil Teixeira, instaurou hoje, 8, Processo Investigatório Criminal contra policiais militares cedidos para a Secretaria Municipal de Transporte de Ananindeua (Semutran) que, armados, direcionaram ameaças a André Luis Pires Margalho e Blenda Calderaro Margalho, sócios da empresa ABCOMP.

O promotor de Justiça determinou que seja solicitada ao prefeito municipal de Ananindeua a apresentação do coronel Marco Antônio Souza Machado, atual secretário municipal de transporte do município, e que este apresente o PM/SD Leonardo Machado Santos e o PM/CB Anderson. O procedimento investigatório criminal transcorrerá em sigilo.

Através de arquivo de áudio entregue à promotoria de Justiça militar pelas vítimas das ameaças, constatou-se “inviável, ou no mínimo não recomendável, a instauração de Inquérito Policial Militar pela Corregedoria da Polícia Militar”, diz o promotor Armando Brasil.
Por esse motivo, a promotoria resolveu instaurar o Processo Investigatório Criminal, com base no Código de Processo Penal Militar, que autoriza o Ministério Público a oferecer denúncia com base em peças de informação. (MPE)
 

0 comentários: