Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

MPE – Sisemppa repercute denúncias do blog e do Diário

Em assembléia geral, o Sisemppa, o Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado do Pará, decidiu encaminhar ao CNMP, o Conselho Nacional do Ministério Público, as denúncias sobre malfeitos envolvendo o procurador-geral de Justiça licenciado, Marcos Antônio Ferreira das Neves, veiculadas pelo Blog do Barata e pelo jornal Diário do Pará.

        A iniciativa do Sisemppa ocorre na contramão da decisão do colégio de procuradores, que acatou proposta de Marcos Antônio Ferreira das Neves, avalizada pelo governador tucano Simão Jatene, e acionou a PGE, a Procuradoria Geral do Estado do Pará, para manter sob censura o Blog do Barata, proibido, na prática, de criticar o Ministério Público Estadual. Graciosa, a ação da PGE foi subscrita pelo procurador-geral do Estado, Caio Trindade, e pelo procurador do Estado Ricardo Sefer, e graciosamente acatada por um obscuro juiz substituto Luiz Gustavo Viola Cardoso. Este, em sua manifestação, vagueia entre a obtusidade togada e o arrivismo próprio dos magistrados que, mirando na ascensão funcional, submetem-se aos caprichos dos poderosos de plantão, como boys qualificados. Antes de chegar a Ricardo Sefer, Caio Trindade consultou outro procurador do Estado, que recusou-se a subscrever a ação judicial, por nela não vislumbrar amparo legal.

        Ricardo Sefer é sobrinho e advogado do deputado eleito Luiz Afonso Sefer, acusado de pedofilia e absolvido por discutível decisão da 3ª Câmara Criminal Isolada. O Ministério Público do Estado do Pará perdeu o prazo do recurso, contra a decisão absolvendo Luiz Afonso Sefer. O recurso, contra a absolvição de Luiz Afonso Sefer, foi viabilizado pelo Ministério Público Federal. (Espaço Aberto)

        A notícia sobre a decisão da assembléia geral do Sisemppa pode ser acessada pelo link abaixo:

0 comentários: