Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

CAPANEMA: MP apura acumulação ilegal de cargos na Sespa



O Ministério Público do Estado do Pará por meio do promotor de justiça 2ª Entrância Titular Nadilson Portilho Gomes instaurou hoje, dia 29, o inquérito civil público, para apuração das denúncias feitas pela técnica de enfermagem concursada da Secretaria de Estadual de Saúde do Pará (Sespa) Katiuscia Batista de Souza de que está sofrendo perseguições em seu trabalho por parte do diretor do hospital municipal de Tracuateua por denunciar irregularidades neste hospital.

Segundo denúncias não existe convênio da Sespa com o município de Tracuateua, embora os servidores da Sespa estejam ali prestando serviços, sem pagamentos de insalubridade e da gratificação por desempenho individual.

Em alguns casos há funcionários acumulando cargos públicos indevidamente tal como Lilian Carla Monteiro da Silva, que trabalha como gerente de enfermagem (responsável técnica) no Hospital Municipal de Tracuateua e no Programa Saúde da Família do Taíra, no município de Bragança.

Outro desvio de função é o caso da auxiliar de serviço bucal Eliane Pinheiro, que exerce função de auxiliar administrativo, já que naquele estabelecimento não existe nenhum serviço odontológico, havendo conhecimento das irregularidades pelo diretor da regional da Sespa.

 Dada a gravidade das denúncias, as quais demandarão todo um levantamento dos funcionários, verificação acumulação de cargos e legalidade nas cessões realizadas e devoluções dos valores pagos indevidamente pelos servidores. Foram ainda requisitadas informações ao diretor do 4º Centro Regional de Saúde Breno Henry Oliveira dos Santos e demais chefias diretas dos servidores e determinadas outras diligências imprescindíveis à apuração dos fatos. (MPE)

Traficantes são presos em Paragominas



A Polícia Militar de Paragominas, conseguiu tirar de rota mais dois traficantes, com eles foram encontradas armas e entorpecentes para comercialização.

Uma guarnição comandada pelo cabo Márcio, juntamente com soldado Barroso, Harley, Texeira, F. Santos e F. Nascimento, realizam rondas ostensivas preventivas pelo bairro Sidilândia, área periférica de Paragominas, quando notaram movimentação de dois homens transeuntes. Toda ação aconteceu por volta das 03h da madrugada.

A força-tarefa decidiu então fazer uma campana, em dado momento solicitou para fazer uma abordagem nos dois nacionais. Ao realizarem a revista, foram encontradas em poder dos mesmos, pedras de “óxi”, papelotes de maconha, R$ 47,00 em espécie fruto de venda de entorpecentes, além de uma arma calibre 38, com quatro munições intactas.

Ato continuo a dupla de traficantes, foi encaminhada para 13ª Seccional de Paragominas, onde foram autuados em flagrante pela autoridade competente.

O 19º Batalhão de Polícia Militar de Paragominas tem como comandante o tenente-coronel Rubenlúcio Silva da Silva, unidade militar subordinada ao Comando de Policiamento Regional VI, que tem à frente ao tenente-coronel Almendra. (PM)

PM apreende explosivos em Paragominas



 A Polícia Militar de Paragominas, na região nordeste do estado, prendeu na manhã de hoje, dois homens, com eles, foram encontrados artefatos explosivos.

Policiais Militares se deslocavam em um ônibus de uma empresa particular da cidade de Imperatriz no Maranhão, rumo a Paragominas, na região nordeste do Pará, para assumir serviço. Em um dado momento o soldado Jussefram, do 19º BPM, desconfiou pelas características que um dos passageiros tinha envolvimento na morte do soldado Valetim, ocorrida no começo deste ano, em Imperatriz.

Ao chegar próximo a Paragominas, onde o passageiro iria desembarcar, ele acionou policiais da área. Uma guarnição comandada pelo sargento Paixão, juntamente com soldados Aglamilson e Josuel, fizeram abordagem em André Luiz Araújo, 39 anos e Mayllon Pereira dos Santos, 21, onde foram encontrados em poder da dupla cerca de oito quilos de explosivos.
 
A força-tarefa após abordagem, isolou o local. Imediatamente o Grupo Tático Operacional de Paragominas (GTO), composto pelos soldados Adriano, Lima e Silva, Roney Pimentel e Maurício, abordaram os transeuntes que estavam no Terminal Rodoviário de Passageiros, na tentativa de encontrar mais pessoas que estivessem com a dupla.
 
Foram encontrados oito artefatos explosivos com aproximadamente um quilo cada um, R$ 292,00 em espécie, 30 estopim (material usado para explosão do artefato explosivo).

Todo material encontrado foi conduzido para 13ª Seccional, pelo capitão Rodrigo Henrique, especialista em explosivos. Na unidade policial, a dupla disse em depoimento que o material apreendido seria entregue na cidade Castanhal, para uma pessoa ainda desconhecida, inclusive pela dupla.

A Polícia Militar acredita que a Luiz e Mayllon, iria fazer explosões a caixas eletrônicos bancários em Paragominas, já que foram encontradas na mochila da dupla, redes de selva, mosquiteiros, e alguns materiais de sobrevivência de selva.

André Luiz Araújo, estava com documento falso, e tem passagem pela polícia do Maranhão. Os dois foram autuados por porte ilegal de artefato explosivo.

O 19º Batalhão de Polícia Militar de Paragominas, tem como comandante o tenente-coronel Rubenlúcio Silva da Silva, unidade militar subordinada ao Comando de Policiamento Regional VI, que tem à frente ao tenente-coronel Almendra. (PM)

MPF processa ex-secretários de saúde de Belém por improbidade



O Ministério Público Federal no Pará entrou com ação de improbidade contra os ex-secretários de saúde de Belém Carlos Antônio de Aragão Vinagre e Sérgio de Souza Pimentel, contra três ex-servidores da Secretaria Municipal de Saúde e contra cinco empresas envolvidas em fraudes com verbas federais. As irregularidades ocorreram na gestão dos recursos para a compra de medicamentos recebidos pelo Município de Belém do Fundo Nacional de Saúde durante os anos de 2009 e 2010.

Nos dois anos, a prefeitura recebeu mais de R$ 12 milhões em recursos federais para compra de medicamentos. Mas os relatórios do Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus) e da Controladoria Geral da União (CGU) apontam diversas irregularidades na compra e distribuição de medicamentos. As investigações começaram pela concorrência pública nº3/2010, em que foram descobertas diversas irregularidades.

Tantas que a CGU e o Denasus ampliaram a investigação para incluir mais uma licitação. Uma das irregularidades é que a prefeitura deveria depositar uma contrapartida aos recursos federais, completando a verba para aquisição de todos os medicamentos necessários. Tanto em 2009 quanto em 2010, à contrapartida municipal não foi depositada.

 “Constatou-se a falta de aplicação, pelo Município de Belém, do valor de R$ 4 milhões e 564 mil no programa Farmácia Básica nos exercícios de 2009 a 2010”, relata a ação do MPF. A ausência de contrapartida prejudica a população, porque impede o atendimento total da demanda de medicamentos e insumos para saúde.

Além disso, a CGU e o Denasus detectaram ausência de prestação de contas de parte dos recursos repassados e irregularidades graves nas duas licitações de medicamentos: fraude ao caráter competitivo da licitação e sobrepreço. Depois das falhas nas concorrências, vieram falhas na distribuição. Apesar dos medicamentos terem sido adquiridos, houve problema sério de desabastecimento em algumas unidades de saúde da capital paraense.

Se condenados, os réus (veja nomes abaixo) podem sofrer as penas previstas na lei de improbidade administrativa: a perda dos bens , ressarcimento integral dos danos causados ao erário, perda das funções públicas, suspensão dos direitos políticos por oito anos, proibição de contratar com o poder público e multa.

O processo tramita na 1ª Vara da Justiça Federal em Belém e será julgado pelo juiz Rafael Lima da Costa.

Réus

Carlos Antônio de Aragão Vinagre, ex-Secretário Municipal de Saúde de Belém
Sérgio de Souza Pimentel, ex-Secretário Municipal de Saúde de Belém
Napoleão Nicolau da Costa Neto, servidor da Secretaria Municipal
Lídia Carvalho de Aguiar, servidora da Secretaria Municipal e membro da
Comissão Permanente de Licitação
Alysson Carneiro Monteiro, servidor da Secretaria Municipal e membro da
Comissão Permanente de Licitação

M. M. Lobato Comércio e Representações Ltda

F. Cardoso & Cia Ltda

I. F. S. Nascimento – EPP

Cristalfarma Com. Rep. Imp. Exp. Ltda.

Comércio e Representações Prado Ltda.

Fonte: MPF

130 Generais se manifestam contra a presidente Dilma

Sáb, 17 de Agosto de 2013 19:51
  
Cento e Trinta GENERAIS se manifestam contra a presidente DILMA, dizem que o governo agiu de forma REVANCHISTA e INCONSEQUENTE, e que governa somente para parcelas diferenciadas da sociedade brasileira. A mídia estranhamente ainda se cala sobre o assunto. Os oficiais signatários implicitamente avisam que têm influência sobre a tropa, deixando bem claro que são os responsáveis pelos pilares que fundamentam as forças armadas da atualidade.

Avisam que as associações não se intimidarão frente aos acontecimentos e que o atual Ministro da Defesa não tem autoridade para censurar atos de entidades como clubes militares.

“O Clube Militar não se intimida e continuará atento e vigilante, propugnando comportamento ético para nossos homens públicos, envolvidos em chocantes escândalos em série, defendendo a dignidade dos militares, hoje ferida e constrangida com salários aviltados e cortes orçamentários, estes últimos impedindo que tenhamos Forças Armadas ...”

Entre os signatários destacam-se oficiais que ocuparam altíssimos cargos na hierarquia militar, como Zenildo de Lucena e Valdésio Ghulherme de Figueiredo.

“Este é um alerta à Nação brasileira, assinado por homens cuja existência foi marcada por servir à Pátria, tendo como guia o seu juramento de por ela, se preciso for, dar a própria vida. São homens que representam o Exército das gerações passadas e são os responsáveis pelos fundamentos em que se alicerça o Exército do presente.”

Há mais de um ano que o manifesto dos militares vem crescendo. Apesar da importância que têm seus signatários, parece que o documento ainda não conseguiu vencer as barreiras que ultrapassam o virtual do real. O manifesto tramita pela internet, e de site em site vai crescendo. A grande mídia parece que evita o assunto. Ha algum tempo o governo se ressentiu, e falou-se de ameaças de punições disciplinares contra os signatários, por parte do Ministério da defesa. Mas a verdade é que o manifesto continuou crescendo.

Há de se considerar que se tão grande número de generais se opõe às ações da presidência da república isso pode significar que há realmente algo a corrigir. Se é que existe realmente uma situação conflituosa entre Governo e Forças armadas isso tem que ser reparado com urgência. Além dos 130 generais que assinaram o documento ha ainda centenas de outros oficiais, juizes, civis e políticos que opoiaram o manifesto.

Veja a lista dos oficiais Generais, divulgada pelo 


MANIFESTO - OFICIAIS GENERAIS
ORIGEM
PATENTE
NOME
EXÉRCITO
General de Exército
Pedro Luiz De Araujo Braga
EXÉRCITO
General de Exército
Armando Luiz Malan De Paiva Chaves
EXÉRCITO
General de Exército
Angelo Baratta Filho
EXÉRCITO
General de Exército
Luiz Guilherme De Freitas Coutinho
EXÉRCITO
General de Exército
José Carlos Leite Filho
EXÉRCITO
General de Exército
Zenildo De Lucena
EXÉRCITO
General de Exército
Domingos Miguel Antônio Gazzineo
EXÉRCITO
General de Exército
José Luis Lopes Da Silva
EXÉRCITO
General de Exército
Luiz De Góis Nogueira Filho
EXÉRCITO
General de Exército
Valdésio Guilherme De Figueiredo
EXÉRCITO
General de Exército
Gilberto Barbosa De Figueiredo
EXÉRCITO
General de Exército
Luiz Edmundo Montedônio Rêgo
EXÉRCITO
General de Exército
Luiz Edmundo Maia De Carvalho
EXÉRCITO
General de Exército
Antônio Araújo De Medeiros
AERONÁUTICA
Tenente Brigadeiro do Ar
Ivan Frota
AERONÁUTICA
Tenente Brigadeiro do Ar
Enir De Souza Pinto
EXÉRCITO
General de Exército
Domingos Carlos Campos Curado
EXÉRCITO
General de Exército
Ivan De Mendonça Bastos
EXÉRCITO
General de Exército
Rui Alves Catão
EXÉRCITO
General de Exército
Cláudio Barbosa De Figueiredo
EXÉRCITO
General de Exército
Carlos Alberto Pinto Silva
EXÉRCITO
General de Exército
Luiz Cesário Da Silveira Filho
EXÉRCITO
General de Exército
Maynard Marques De Santa Rosa
EXÉRCITO
General de Exército
Geise Ferrari
EXÉRCITO
General de Exército
Marius Luiz Carvalho Teixeira Neto
EXÉRCITO
General de Divisão
Francisco Batista Torres De Melo
EXÉRCITO
General de Divisão
Amaury Sá Freire De Lima
EXÉRCITO
General de Divisão
Leone Da Silveira Lee
EXÉRCITO
General de Divisão
Cássio Rodrigues Da Cunha
EXÉRCITO
General de Divisão
Aloísio Rodrigues Dos Santos
EXÉRCITO
General de Divisão
Roberto Viana Maciel Dos Santos
EXÉRCITO
General de Divisão
Marcio Rosendo De Melo
EXÉRCITO
General de Divisão
Luiz  Carlos Minussi
EXÉRCITO
General de Divisão
Gilberto Rodrigues Pimentel
EXÉRCITO
General de Divisão
Ulisses Lisboa Perazzo Lannes
EXÉRCITO
General de Divisão
Luiz Wilson Marques Daudt
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Edilberto Telles Shirotheau Corrêa
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Luiz Antonio Cruz
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Cezar Ney Britto De Mello
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Irineu Rodrigues Neto
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro
Ademir  Siqueira Viana
EXÉRCITO
General de Divisão
Clóvis Puper Bandeira
EXÉRCITO
General de Divisão
Roberto Schifer Bernadi
EXÉRCITO
General de Divisão
Remy De Almeida Escalante
EXÉRCITO
General de Divisão
Sérgio Ruschell Bergamaschi
EXÉRCITO
General de Divisão
Cândido Vargas De Freire
EXÉRCITO
General de Divisão
Sérgio Pedro Coelho Lima
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Carlos Oscar Cruz Ferreira
EXÉRCITO
General de Divisão
Victor José Schlobach Fortuna
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Guido Resende Souza
EXÉRCITO
General de Divisão
Mario Ivan Araujo Bezerra
EXÉRCITO
General de Divisão
Marco Antonio Tischer Saraiva
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro do Ar
Tarso Magnus Da Cunha Frota
EXÉRCITO
General de Divisão
Hélio Covas Pereira Filho
EXÉRCITO
General de Divisão
Sérgio Henrique Carneiro Tavares
EXÉRCITO
General de Divisão
Nelson Beust
EXÉRCITO
General de Divisão
Gilberto Cesar Barbosa
EXÉRCITO
General de Divisão
Sylvio Lucas Imbuzeiro
EXÉRCITO
General de Divisão
Archias Alves de Almeida Neto
AERONÁUTICA
Major Brigadeiro
Luiz Fernando Barbedo
EXÉRCITO
General de Brigada – Detentor do Bastão da FEB
Rui Leal Campello
AERONÁUTICA
Brigadeiro do Ar
Leci Oliveira Peres
EXÉRCITO
General de Brigada
Dickens Ferraz
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo Ricardo Naumann
EXÉRCITO
General de Brigada
Gilberto Serra
EXÉRCITO
General de Brigada
Aricildes De Moraes Motta
EXÉRCITO
General de Brigada
Durval A. M. P. De Andrade Nery
EXÉRCITO
General de Brigada
Carlos Augusto Fernandes Dos Santos
EXÉRCITO
General de Brigada
Miguel Monori Filho
EXÉRCITO
General de Brigada
Iberê Mariano Da Silva
EXÉRCITO
General de Brigada
Eduardo Cunha Da Cunha
EXÉRCITO
General de Brigada
Tirteu Frota
EXÉRCITO
General de Brigada
César Augusto Nicodemus De Souza
EXÉRCITO
General de Brigada
Geraldo Luiz Nery Da Silva
EXÉRCITO
General de Brigada
Marco Antonio Felício Da Silva
EXÉRCITO
General de Brigada
Newton Mousinho De Albuquerque
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo César Lima De Siqueira
EXÉRCITO
General de Brigada
Manoel Theóphilo Gaspar De Oliveira
EXÉRCITO
General de Brigada
Hamilton Bonat
EXÉRCITO
General de Brigada
Elieser Girão Monteiro
EXÉRCITO
General de Brigada
Pedro Fernando Malta
EXÉRCITO
General de Brigada
Mauro Patrício Barroso
EXÉRCITO
General de Brigada
Marcos Miranda Guimarães
EXÉRCITO
General de Brigada
Zamir Meis Veloso
EXÉRCITO
General de Brigada
Valmir Fonseca Azevedo
EXÉRCITO
General de Brigada
Marco Antônio Sávio Costa
AERONÁUTICA
Brigadeiro do Ar
Sérgio Luiz Millon
EXÉRCITO
General de Brigada
Carlos Eduardo Jansen
EXÉRCITO
General de Brigada
Mario Luiz Monteiro Muzzi
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo Roberto Correa Assis
EXÉRCITO
General de Brigada
Iram Carvalho
AERONÁUTICA
Brigadeiro do Ar
Danilo Paiva Alvares
EXÉRCITO
General de Brigada
José Alberto Leal
EXÉRCITO
General de Brigada
José Luiz Gameiro Sarahyba
EXÉRCITO
General de Brigada
Sady Guilherme Schmidt
MARINHA
Contra-Almirante Médico
Luiz Roberto Martins Dias
AERONÁUTICA
Brigadeiro do Ar
Valter Carrocino Filho
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo Meirelles
EXÉRCITO
General de Brigada
Vilson Kuyvem
EXÉRCITO
General de Brigada
João Cosenza
EXÉRCITO
General de Brigada
José Saldanha Fábrega Loureiro
EXÉRCITO
General de Brigada
José Batista Queiroz
EXÉRCITO
General de Brigada
Luiz Antônio Rodrigues Mendes Ribeiro
EXÉRCITO
General de Brigada
José Vilhena Bittencourt
MARINHA
Contra-Almirante
Joel Rodrigues Da Silva
EXÉRCITO
General de Brigada
Ultemir De Lima Dutra
MARINHA
Contra-Almirante
Tarcísio Jorge Caldas Pereira
EXÉRCITO
General de Brigada
Valter Da Costa
EXÉRCITO
General de Brigada
Antonio Carlos Nascimento Krieger
MARINHA
Contra-Almirante
Magnus Da Cunha Frota
MARINHA
Contra-Almirante
Roberto De Lorenzi
EXÉRCITO
General de Brigada
José De Oliveira Sousa
EXÉRCITO
General de Brigada Médico
Ivan Da Costa Garcez Sobrinho
EXÉRCITO
General de Brigada
Sergio Roberto Dentino Morgado
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo Dornelles Da Silva
MARINHA
Contra-Almirante
Paulo Lafayette Pinto
MARINHA
Contra-Almirante
Celso Melo de Figueiredo
MARINHA
Contra-Almirante
Paulo Cesar de Paiva Bastos
EXÉRCITO
General de Brigada
Bartholomeu Da Silva Filho
EXÉRCITO
General de Brigada
José De Oliveira Souza
AERONÁUTICA
Brigadeiro do Ar
Luiz Carlos Baginski Filho
EXÉRCITO
General de Brigada
Ruthenio Ferreira Do Valle
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo Fabiano Do Prado Soares
EXÉRCITO
General de Brigada
José Ramos De Alencar
EXÉRCITO
General de Brigada
José Gualter Pinho
EXÉRCITO
General de Brigada
Mário Cesar Azevedo Da Silveira
EXÉRCITO
General de Brigada
Nilton Albuquerque Cerqueira
EXÉRCITO
General de Brigada
Fernando Cardoso
EXÉRCITO
General de Brigada
Ayrton José Lermen
EXÉRCITO
General de Brigada
Paulo Chagas