Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Instalações do antigo Hospital São Joaquim terão que ser adaptadas

EDIVALDO MENDES
Correspondente em Castanhal
de O Liberal 

Capanema saiu na frente na disputa pela construção de um hospital regional na região nordeste paraense. O secretario especial de Proteção Social, Zenaldo Coutinho, se reuniu na tarde de quinta-feira, 4, com os deputados Eduardo Costa - que tem sua base em Capanema -, e Márcio Miranda, de Castanhal, para anunciar que o governador Simão Jatene bateu o martelo para a aquisição do Hospital São Joaquim, em Capanema, para que lá seja instalado o hospital regional. De acordo com Zenaldo, em declaração no sábado a uma emissora de rádio de Capanema, a decisão do governador se lastreou em critérios técnicos, e não políticos, que é como estava sendo travada a disputa para ver quem levaria a obra para qual localidade.

Segundo Costa, a sociedade capanemense se mobilizou através de abaixo-assinado com mais de 40 mil assinaturas, assim como a Câmara Municipal e o empresariado local também se esforçavam para pressionar o governo a se decidir por Capanema. "Aqui (em Capanema) estamos numa posição estratégica, viável à construção do hospital. Estamos cercados por dezenas de municípios, das regiões do Caeté, Guajarina e do Salgado, onde residem mais de 700 mil pessoas", explicou o deputado estadual. "Se Castanhal venceu pela questão política, vencemos pela questão técnica, estratégica, e numa região onde o governador teve o mais expressivo apoio eleitoral", completou Costa. Já o deputado Marcio Miranda disse que está tranquilo quanto à decisão de Simão Jatene de construir primeiro um hospital regional em Capanema. "O governador firmou esse compromisso (com Castanhal), já é decisão de governo. E ainda temos uma emenda parlamentar em Brasília que poderá trazer R$ 17 milhões para o Hospital Regional de Castanhal", afirmou.

0 comentários: