Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Polícia Civil prende traficante que vendia através de "Disque Droga” em Marabá

Agnaldo Silva Reis, 34 anos, foi preso por tráfico de drogas, na última quarta-feira, em Marabá, sudeste paraense. Aos policiais, Agnaldo confessou que vendia drogas há três meses. Ele atendia os “clientes” usando um serviço de “disque-droga”, no qual o usuário telefonava e fazia a encomenda. Agnaldo Reis foi autuado com base no Artigos12 e 16 da Lei 10.826/03 e Artigo 33 da Lei 11.343/06 e encontra-se à disposição da justiça.

O traficante foi preso em sua residência, localizada na Vila Poupex. Durante revista no imóvel os policiais apreenderam: 37 petecas de “crack”, uma pedra de “oxi”, uma escopeta de fabricação artesanal calibre .20, três munições calibre 20, um revólver calibre .38 com quatro munições intactas,  um depósito de pólvora, dois estojos de chumbo, uma munição calibre 28, uma munição calibre 9mm, uma munição calibre 22 e um carregador de pistola calibre 7.65.

Os policiais civis da Superintendência Regional do Sudeste do Pará, coordenados pelo delegado Alberto Henrique Teixeira - superintendente regional – chegaram a Agnaldo Reis graças ao Disque-Denúncia (181). Em depoimento, o traficante alegou que “vendia drogas por necessidade”.

Ele enfatizou que tem profissão, é técnico em eletrônica, músico, prestava serviços na cidade de Marabá e estava arrependido de ter se envolvido no mundo do crime.

Para o delegado Alberto Teixeira, cabe ao autor, se defender durante o processo judicial, onde o mesmo terá a oportunidade de junto ao poder judiciário apresentar provas de sua alegada boa conduta, bem como explicar de onde advém a droga, arma e munição que foram apreendidas em sua residência.

Ainda segundo o delegado, esta apreensão representa a ação efetiva da Polícia Civil no combate ao tráfico na cidade de Marabá e enfatizou que as operações irão continuar no intuito de reduzir ainda mais os índices de violência no município.

0 comentários: