Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Jader Barbalho é dono de uma afiliada da Rede Globo

Se o sonho de Jader Barbalho era o de possuir uma afiliada da Rede Globo, agora pode se dar por satisfeito na materialização. Veja essa noticias veiculada no Blog do Santareno Jeso. A confusão ganhou dimensões imensuráveis. Resta saber qual o futuro da Globo em Santarém.

 Joaquim Pereira, Vânia Maia e Jader Barbalho


“O quase senador Jader Barbalho (PMDB) acaba de entrar na disputa do espólio apontado como a “jóia da coroa” deixada aos filhos do empresário Joaquim da Costa Pereira: o STC (Sistema Tapajós de Comunicação), formado pela TV Tapajós, afiliada da Rede Globo em Santarém, e mais a rádio Tapajós FM e o portal Notapajós. As 3 empresas estão avaliadas entre R$ 15 a R$ 20 milhões.

O ingresso de Jader na partilha do STC foi oficializado na 1ª Vara Cível de Santarém há poucos dias. Mais precisamente no último dia 2. Ou seja, 1 ano e 3 meses depois da morte do empresário santareno.

Quem deu entrada no documento “Fato Novo Importante” foram os advogados de Vânia Pereira Maia, atual gestora do STC e uma das herdeiras e inventariante dos bens deixado por Joaquim Pereira.

O blog teve acesso ao documento.

Nele, Vânia Maia relata que no dia 29 de março último recebeu na sede da rádio e TV Tapajós “um representante” de Jader Barbalho, chamado Luziel Guedes, com documentos em que comprovavam que o político paraense de maior expressão nacional é “detentor de 50%” do capital social do STC.

O ingresso de Jader na empresa, ainda de acordo com o documento, teria sido ratificado há 10 anos (3 de janeiro de 2001) pelo casal Joaquim e Vera Pereira, então sócios únicos. A partir daí, o STC passou a ter o seguinte quadro societário:

# Jader Barbalho – 50%
# Joaquim Pereira – 49%
# Vera Pereira – 1%

Sobre essa nova sociedade, no entanto, Joaquim Pereira não teria deixado aos filhos nenhum documento comprobatório do negócio. Ainda que, segundo Vânia Pereira, o empresário tenha dito à filha em certa ocasião que “possuía um outro sócio com 50% de participação no capital social” da TV e rádio Tapajós, sem, todavia, nomeá-lo, já que o “assunto não poderia aparecer”.

O sigilo perdurou até a visita de Luziel Guedes no mês passado a Santarém, a pedido de Jader Barbalho.

Presidente do Imep (Instituto de Metrologia do Pará) desde o início do governo Simão Jatene II, Luziel é aliado de Jader. Foi ele que entregou a Vânia Pereira Maia o documento que supostamente prova que o líder do PMDB paraense é dono de 50% do STC.

O ex-deputado federal Jader Barbalho desembolsou, segundo documento por ele apresentado à inventariante Vânia Maia e obtido pelo blog, exatos R$ 28 mil para virar sócio da Rádio e TV Tapajós.

O negócio teria sido fechado no dia 3 de janeiro de 2001.

Na época, o capital social total da empresa somava R$ 56 mil.

Antes, as emissoras pertenciam apenas ao casal Joaquim e Vera Pereira. O primeiro detinha com 99% do capital social, e a segunda, 1%.

A preço de mercado, o STC (Sistema Tapajós de Comunicação) é avaliado hoje entre R$ 15 e R$ 20 milhões.

Com o ingresso de Jader na sociedade, a Rádio e TV Tapajós passou a ter nova divisão societária, assim definida:
Jader Barbalho (R$ 28.000,00) – 50%
Joaquim Pereira (R$ 27.720,00) – 49%
Vera Pereira (R$ 280,00) – 1%

Um fato chama atenção no documento entregue por Jader – ver reprodução abaixo.
 
Embora tenha sido assinado há 10 anos, as assinaturas dos três sócios só foram reconhecidas este ano. A de Barbalho no dia 16 de março, no cartório Condurú, em Belém, e a do casal Pereira no dia 4 de março, no 3º Tabelionato de Notas e Registro Civil em Santarém.

O documento apresentado por Jader Barbalho à inventariante Vânia Maia. Clique em cima para ampliá-lo.”

0 comentários: