Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Jordy ganha apoio para criação da CPI do Tráfico de pessoas

Dezenas de parlamentares já assinaram o requerimento de autoria do deputado federal Arnaldo Jordy (PPS-PA) que cria a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o tráfico de pessoas no Brasil. Para ser instalada, uma CPI precisa ter o apoio de 171 assinaturas. Jordy afirma já ter recolhido mais de 50, em menos de uma semana após elaborar o pedido de criação da comissão.

A ideia do parlamentar é, durante os 120 dias em que funciona a CPI, descobrir as causas e os responsáveis pelo recrutamento e envio de mulheres e homens para o exterior. Além do intercâmbio feito entre estados."O assunto é grave, desta forma a bancada do PPS entende que a instalação de uma CPI constitui instrumento fundamental para investigar as denúncias relatadas, trazendo uma resposta para a sociedade sobre o tráfico", justifica Jordy.
Negócio lucrativo

Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o número de vítimas destes grupos criminosos no Planeta chegaria a quatro milhões por ano.Já a movimentação financeira anual giraria em torno de R$ 32 bilhões.E o Brasil é um dos campeões mundiais em relação ao fornecimento de seres humanos para o tráfico internacional.A ONU informa ainda que a exploração sexual é a forma de tráfico com maior frequência (79%). Na sequência, vem o trabalho forçado que envolve, principalmente, adolescentes e mulheres. "Nosso intuito é o de apurar, mas também o de aprofundar as causas do tráfico e produzir propostas para a prevenção e fiscalização destes ilícitos", concluiu o deputado do PPS.

 
Fonte: Assessoria de imprensa

0 comentários: