Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Exclusivo: Operários da Construtora Coelho de Souza são flagrados sem equipamento de segurança

Após o desabamento de um edifício que estava na 34ª laje, mas com projeto para 35 andares, de propriedade Real Construtora, hoje, no inicio da tarde, na Rua 3 de Maio, entre as avenidas Governador José Malcher e Magalhães Barata, o signatário fez um percurso em bairros nobres da capital paraense para constatar como anda a segurança dos trabalhadores da construção civil nos canteiros de obras.

A visita aconteceu às 16h, na Travessa Angustura, entre Duque de Caxias e Visconde de Inhaúma, no bairro do Marco, onde a Construtora Coelho de Souza está na conclusão de um edifício.

O flagrante mostra claramente dois operários da construtora sem um dos itens obrigatório para serem utilizados durante o trabalho no canteiro de obras. O capacete. No local do equipamento os trabalhadores substituíram o equipamento por boné.

Outra observação constatada pelo Blog é que os trabalhadores da Coelho de Souza estavam em atividades neste sábado, após as 16h e não sabemos se houve algum tipo de acordo com o sindicato da categoria para os operários trabalharem pela parte da tarde, em pleno sábado.

Procuramos o engenheiro da obra, de nome Paulo, mas o mesmo não se encontrava no local.


Fonte: Jornalismo Político
Autor: Jornalismo Político
Imagens: Paulo Zildene

4 comentários:

Anônimo disse...

As autoridades devem fazer uma visita a essa construtora.

Mário Santos

Anônimo disse...

Isso que eu chamo de um flagrante, onde não tem dúvida de que o funcionário estqava sem o capace.

Anônimo disse...

vamos olhar com cuidado as construções do estado do Pará. É um alerta

Alexandro Barreto

MARILIA & WANDER disse...

O CREA e a defesa civil devem só se manifestam quando acontece uma tragédia, mas devem fazer acompanhamento mesmo que mensal nas construções civil de Belém.