Siga nosso blog!

Segudores do Google +

Amigos do Facebook

--=

Pará Notícias

Um novo conceito

Coligação do PT a federal será pesada

Os partidos que coligaram com o PT, na reeleição da governadora Ana Júlia Carepa terá uma árdua tarefa para eleger um número máximo de deputados a câmara federal e estadual.

A coligação a federal terá duas frente de partidos. O PT, PTB, PP, PSC, PHS, PTN, PTdoB e PTC. E o PDT, PSB, PC do B. PRB e PV.

Em suma.

Este bloco terá a campo nada mais nada menos que 448 candidatos a deputados estaduais e 65 candidatos a federal.

Dificílima a disputa eleitoral nesta coligação.

Senado

Enquanto não fecha um acordo para privatizar a Cosampa, o governo do estado terá problemas com o PTB.

Duciomar Costa - PTB, prefeito de Belém, solicitou que fosse registrada a candidatura de Fernando Yamada ao senado.

O que isso significa?

Significa que se Ana Júlia não convencer os vereadores rebeldes do seu partido, em votar a favor da privatização da Cosampa, Fernando Yamada – PTB entrará a campo para atrapalhar Paulo Rocha –PT ao senado.

Estrategista o não, Duciomar sabe muito bem que a governadora terá que apressar a votação na câmara municipal, que pela segunda vez não houve quorum suficiente para por em pauta o projeto de privatização.

Fora da disputa

Triste mesmo ficou o Democratas. Como não houve acordos para o DEM coligar com o PSDB e com o PT, Valéria Pires Franco, ex-vice-governadora do estado, que pretendia disputar uma vaga no senado federal ficou de fora.

O mesmo aconteceu com Vic Pires Franco, presidente do DEM no estado. Não houve acordos para coligação proporcional.

Sendo assim, o casal ficará de fora da disputa eleitoral.


Fonte: Jornalismo Político
Autor: Jornalismo Político

2 comentários:

Anônimo disse...

Falando em PTB aindicação do deputado Eduardo Costa (PTB) para a diretoria regional do hospital de salipolís foi bem recebida tanto pela população como pelos turistas que ali frequentam, mas por outro lado a diretora Patricia de Fatima Lima ex diretora administrativa da 4 Regional de capanema (SESPA) trouxe a tira colo sua vice Alessandra que caiu de paraquedas em janeiro desde ano aqui no Pará, mais precisamente em bragança, oriunda de SP- São Jose do Rio Preto, esta fazendo a lei da ditartura militar com os funcionarios do referido hospital,com isso quem perde é o Deputado Eduardo Costa que em vez de se beneficiar desta fabrica de votos só tem a perder e tem mais se não bastasse, ainda trouxe a tira colo ,ja contratados o maridão e o cunhado (eita neopotismo discarado) cade o ministerio publico, a governadora contrata mais não chama os concursados, e o neopotismo esta em ritimo acelerado tem irmão,marido, cunhado ,primo, de fulano e beltrano no hospital Regional de salipolis, esse caldeirão vai estourar

Jornalismo Político disse...

Prezado anônimo,

Devido às regras para as eleições deste ano, não poderei postar comentários sem assinatura e e-mail, caso contrário serei multado ou retirado meu blog do ar pelo prazo de 48h pelo descumprimento da lei.

Refaça-o de forma coerente e sem acusações, pois o ônus da prova cabe a quem acusa.

Pela compreensão,

Paulo Zildene
Editor